Livros Livros Solo

Lata de Conserva

Microcontos? Romance desmontável? Nanocrônicas? Uma definição atrapalharia onde Jacqueline Aisenman testa seus personagens e mostra um olhar aguçado sobre os temas que afligem a contemporaneidade.

Jacqueline Aisenman escreve com uma dignidade impressionante. Escreve com visgo. Tem uma capacidade incrível de amarrar situações frásicas que prendem o olhar à razão leitoral. De coçar a curiosidade para pensar detalhes de personagens fugazes, que entram no contexto dos textos como bolhas.“(Márcio Almeida é mestre em Literatura, escritor, crítico de raridades. marcioalmeidas@hotmail.com)

“A autora Jacqueline aborda diversos assuntos em seus textos literários, entre eles amor, atualidades, tecnologia, faz intertextualidade com diversos outros textos como Fausto de Goethe no texto Fausto (AISENMAN, 2011), as princesas Branca de Neve e Cinderela dos clássicos infantis no texto Personificação (AISENMAN, 2011), entre outros …” ( Elis Regina Melere (na época do artigo, acadêmica em Literatura) e  Gisele Giandoni Wolkoff (Professora, escritora e Doutora em Literatura).

Capa e contracapa do livro Lata de Conserva

 

Prêmio da Academia Catarinense de Letras de 2011 (Melhor Livro de Contos)

Prêmio da Academia Catarinense de Letras, Melhor Livro de Contos de 2011.