Textos

Nas próximas páginas você encontrará meus textos para sua leitura.
São textos compilados através dos anos, chegando à atualidade.
Dividi em três categorias: Poemas, Contos e Crônicas e Desvarios (onde se encontram minhas frases e pensamentos).
Os textos mais antigos guardam seus aspectos primeiros, ou seja, se falam da atualidade da época ou se retratam um momento específico de minha vida, não foram atualizados.
Achei correto manter o conteúdo original por entender que cada pedaço da vida da gente é importante do seu jeito.
Muitos destes textos já foram publicados em livros meus e algumas antologias de amigos. Para conhecer melhor minhas publicações, visite a seção deste site intitulada Meus Livros.

  • Poemas

    PERFEITAMENTE

    Aquela lembrança que perfeitamente vem e me faz sorrir ou chorar. Aquela lembrança que, perfeita, mente. Mente e me faz sorrir. Ou chorar.   Imagem by Joshua Ness on Unsplash…

  • Poemas

    CORTES PROFUNDOS

    cortes entorses estupidez batidas de frente, de costas, de lado, de todos os lados. cortes profundos entorses abruptos escassez feridas nos braços, nas pernas, no torso, na cabeça e na alma.…

  • Poemas

    QUEBRA-CABEÇAS

    pela vida junto as peças dos quebra-cabeças que foram meus pais, avós, tios… família e amigos se despedaçaram se uniram, deixaram de si partes espalhadas em mim ao longo dos anos……

  • Contos e crônicas

    O PÁSSARO

    Todos os dias ouço o pássaro que canta. Não fosse eu morar num setor bastante urbanizado da cidade, as árvores atrás do condomínio me bastariam para compreender o canto do pássaro.…

  • Poemas

    GRETEL

    os pedaços pelo caminho pelos pelos pele carne músculos ossos… nada ouço! os olhos olham não vêem mais nada nem mesmo os pedaços largados pelo caminho… sigo, caminho e para frente…

  • Poemas

    PERDI O MEDO

    os anos passaram. e o que eu era, a matéria eu, o físico mim, todo o inteiro eu de fora aquilo que me afastava de mim mesma e dos outros partiu……

  • Poemas

    LAVAR A ALMA

    Sabão de pedra esfregando na pedra… esfregando na madeira do tanque… na pia cheia… O chuveiro aberto os pingos descendo… um rio de cabeça pra baixo. A máquina ensurdecedora canta (sua…

  • Poemas

    SÓ PALAVRAS

    Há princípios nos fins… eternamente ou nunca. Todo Jamais não manterá sua palavra assim como os Sempre. E os fins, em si mesmo não guardam princípios. Todos são palavras e palavras…