Poemas

CORDAS

a corda única, longa, forte, os fios espessos

estica, segura, curva-se, esforça-se…

até romper

pelo excesso

pelo mau uso

pelo descaso.

a corda.

acorda.

a corda sofreu o abuso do poder

e do poder não ser.

a corda arrebentada se desune

mas

torna-se duas:

as cordas!

e as cordas

ao invés de

se separarem fracas,

irrompem

fortes…

as cordas

amarrarão mais

segurarão mais

e as investidas externas

não as destruirão

Você pode gostar também de

Sem comentários

deixe uma resposta