Poemas

MASSACRE

Você se constrói sobre as dores
aquelas que se inflam com o sofrimento
e levam tudo em nós definhar…

Você se eleva pisando os acontecimentos
Subtraindo-se às doces cores
e se torna um buraco negro a tudo engolir…

Se os mortos se acumulam sob os teus pés ensanguentados
E a lama é a água que lhe lava a alma vazia
Só me alcança o pensamento forte em agonia
Das mentes, das vozes engolidas por seu palavreado…

Forte a imagem forma-se diante de meus olhos cegados
pela escuridão que lhe habita e toda a sua cercania
prendo a respiração, refuso a poluição das tuas crias
e percebo o quando seu coração é transtornado…

Você é a morte que negra vem e ceifa…
Você é o pesadelo que prende e amedronta…
Você é a lâmina que tortura sem dó…
Você é a areia movediça que afoga e sufoca…

Suas lágrimas são de pedra
Seu coração é de pedra.

E esta é a memória do que ficará de você.

Imagem by Aphostol (Thanks for your beautiful art)

Você pode gostar também de

Sem comentários

deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.