Poemas

ASAS

asas para que, se o peso dos meus pés não me deixa voar?
asas para ir onde, se perdi o tino e nem mesmo sei onde estou?
asas para quem, se nem mesmo sei mais quem sou?
asas por que, se o céu que vejo no alto, já o vejo também aqui embaixo?
asas para mim como se já não sei quem sou?
asas? voar? onde ir? o que dizer? o que fazer?
de repente, mente vazia, sinto apenas apertar o coração…

 

Imagem encontrada no Google sem referência de autoria

Você pode gostar também de

Sem comentários

deixe uma resposta