Poemas

VEJO…

Vejo

e finjo não ver

as cruezas não foram feitas para mim

para o coração que tenho

e que ainda bate por outros também.

Vejo

e faço de conta que o que vejo

é outra coisa.

porque se for crer, vai doer

serão os contrários

serão coisas sobre as quais

nada poderei dizer, falar, fazer

apenas sentir a tristeza e mais nada.

então viro a cabeça e sorrio

para a parede.

 

Imagem by Ipan Jadahz

Você pode gostar também de

Sem comentários

deixe uma resposta