Poemas

UM RAIO DE SOL

penetrou pela fresta da janela

um raio de sol

fez caminho

riscou o chão

rabiscou a cadeira

arranhou a mesa

com sua luz…

meus olhos estranharam

meio que ofuscados

pela claridade

rara…

mas um sorriso

tomou meu rosto

e  brilhou tanto

quanto

o raio de sol.

Você pode gostar também de

Sem comentários

deixe uma resposta