Poemas

DESPERTE!

despertos
de olhos
abertos
de frente
em frente
encarando
a questão…
espertos
de olho
no incerto
de frente
em frente
questionando
a razão.

para não ser esquecido, ludibriado, menosprezado 
ou tratado de bandido.
para não ficar enfurecido, acabado, abandonado
ou com asneiras no ouvido.

a mente precisa sair do caminho estreito de visão…
e é preciso usar o peito com coragem e coração.

nada é igual depois de um segundo olhar.

Você pode gostar também de

Sem comentários

deixe uma resposta