Poemas

MEMÓRIAS MOVEDIÇAS

hoje podes falar o que quiseres, qualquer coisa…

podes lembrar de coisas que não aconteceram

e de outras que até poderiam ter acontecido…

podes falar das saudades de momentos

que nunca existiram

e afirmar certezas de outros

que quem sabe teriam existido…

hoje podes falar à vontade, contar tudo do teu jeito…

quem poderia te contradizer, desmarcou a presença.

minta, minta sobre tudo… sobre todas as verdades…

as desejadas, as impensadas, as escondidas…

quem poderia te desmentir, mudou de estrada.

por isto hoje podes posar diante das recordações

como bem quiseres, sendo quem quiseres…

nem mesmo há fotografias…

falsas memórias não pedem provas

não podem ser contestadas

nem atestadas por outrem.

então hoje, podes falar

e de todas as falas

já estarás perdoado

por todos os

ausentes…

nas areias movediças

da memória

estarás libertando

os fantasmas

que nunca lá

estiveram.

Você pode gostar também de

Sem comentários

deixe uma resposta