Poemas

VENTO

O vento passa pelas frestas da porta…
passeia pelas peças da casa
levando com ele os cheiros
trazendo com ele os cheiros…
Lá fora ele balança as árvores e plantas…
balança os cabelos, despenteia, penteia…
as pessoas que apressadas seguem
sem nele prestar atenção.
O vento canta sua melodia em diversos tons
faz com o que acha os mais diversos sons…
Não deixa parado o papel que jaz no chão!
Não deixa esquecida a fruta que ainda não caiu!
O vento atravessa os montes, os rios, as ruas…
passa quase cortando o rosto dos desprevenidos
ou de tão leve e breve torna-se apenas uma carícia…
Ele sopra, faz levitar as folhas das árvores
ele canta, ele assobia, ele grita…
Vento de lá, vento de cá, vento de onde vier…
Em sua força está o ar que nos faz viver!

 

Imagem by -jell-

Você pode gostar também de

Sem comentários

deixe uma resposta