Poemas

MÃE INDIGNA

Ah… mãe que abandona e renega os seus filhos…
que não lhes vê a abundância de amor
e lhes devota unicamente rancor…
Ah, mãe que relega os rebentos aos trilhos
sem cuidados, sem acalantos, sem toque materno
mãe que mais parece o frio do inverno…
Ah, mãe! E com tudo isto, ainda és mãe..
Com todas as faltas és ainda a mãe
a ser chamada no escuro…
a ser clamada nas dificuldades
a deixar estranhas saudades…
Mãe.

 

Imagem by jinterwas

Você pode gostar também de

Sem comentários

deixe uma resposta