Contos e crônicas

BEIJO DE AMOR

Ele beija minha mão e diz com ternura que sou seu grande amor. E eu com isto, pensa ela cheia de desdém, quero que me beije a boca e diga com as mãos que sou sua maior paixão. Mas isto fora há muito tempo atrás e hoje ela vive estendendo as mãos.

 

Imagem by Jason Corey

Você pode gostar também de

Sem comentários

deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.