Desvarios

FRASES E FRASES…

Borboleta se despede da larva… A árvore, seus galhos, o cômodo acolher das folhas adeus… O céu, suas nuvens, a imensidão dos braços do infinito são seus!
Sangra, a lágrima sangra dos olhos e cai sobre o peito. Imperfeito, o batimento do coração a acolhe… Não escolhe o sorriso em seu lugar… Amar é seu jeito de ser e de viver… E a lágrima tanto quanto o riso solto
Envoltos em emoções e sentimentos Envolvimento que o coração supera… Espera! Para seguir adiante sem morrer..

De vez em quando eu voo. Faço percursos inusitados, visito lugares inesperados.
Voo leve e faceira, voo feliz. Claro, em sonho que na realidade os pés no chão caminham e as asas não existem.
Mas… no entanto ainda fora dos sonhos de vez em quando voo: quando escrevo, quando liberto meus pensamentos, quando fecho os olhos e me deixo ir numa música… Voos diferentes, mas sempre maravilhosos voos!

Parto do princípio que depois do fim sempre vem um outro início…

Caminho um passo atrás do outro e os passos não se conhecem não sabem aonde vão ainda que pensem que sim… pois há no caminho esquinas pedras, curvas, águas e montanhas… Caminho e vou parando observando, mudando os itinerários mudando os motivos da viagem mudando as vontades de viajar. Caminho e aprecio o caminho.

 

Se sou poesia… devo adoração eterna ao poeta que me criou. E se sou poeta maior é a devoção ao universo que me gerou…

 

Imagem by donvikro

Você pode gostar também de

Sem comentários

deixe uma resposta