Contos e crônicas

PAIXÃO ESPERADA

Sentada de costas para a porta ela esperava por ele. Não ouviu os movimentos da entrada. Apenas sentiu a respiração forte afagar seu pescoço enquanto as mãos lhe tocavam o ombro. Era noite lá fora e a luz apagada trazia a noite para o interior. Ela sabia dele cada centímetro de paixão exalada. E dela ele conhecia cada recanto da paixão esperada. O encontro foi apaixonado como apaixonados estavam seus corpos. Todas as desculpas do mundo seriam inventadas depois.

 

Imagem by stokpic

Você pode gostar também de

Sem comentários

deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.