Poemas

GOSTO DE BRINCAR

Gosto de brincar, de fazer de conta

de cantos e de encantar.

Brincos de duas contas eu brinco de faz de conta

eu canto e faço cantar.

Gosto de ter criança cá dentro do meus guardados

e os anos mesmos avançados não deixam ela apagar

pois faço viagens longas ao longo das minhas vidas

em todas elas princesa e em quase todas perdida…

Eu gosto de brincar como criança em campos vastos

como se fosse o fim dos muros e paredes e cercados

fazer a conta e descobrir que ainda falta tanto

um monte de tempo falta para acabar

a brincadeira de encantar.

Só para descobrir depois de tanta festa

que fui bem mais feliz do que seria se no entanto

tivesse também dentro crescido e esquecido

o gosto de brincar.

 

Imagem by Jedidja

Você pode gostar também de

Sem comentários

deixe uma resposta