Poemas

DOS OUTROS LADOS DO ESPELHO

Há muito tempo venho me dizendo que preciso ser apresentada a mim mesma. É inevitável. Um dia na vida será preciso olhar além do espelho e, desta forma, ver além da imagem do corpo.

Ultimamente tenho avistado alguém que penso ser esta pessoa do fundo do espelho. Antes pensei que pudesse ser alguém que não me agradaria em hipótese alguma. A minha idéia de mim, todas as fantasias, sempre foram mais alegres e mais belas. E a pessoa que venho encontrando em mim foge a todas as regras desta que sou eu.

 

É preciso diferenciar coragem de loucura.

É preciso diferenciar alegria de loucura.

É preciso diferenciar espontaneidade de vulgaridade.

É preciso diferenciar simplicidade de extravagância.

É preciso diferenciar seriedade de senilidade.

É preciso diferenciar calma de comodismo.

É preciso diferenciar os sentimentos.

É preciso evidenciar os sentimentos. É preciso refletir antes de agir.

É preciso agir para poder refletir.

É preciso diferenciar ação de fuga.

É preciso diferenciar falta de vontade de medo.

É preciso diferenciar imagem de desejo.

É preciso diferenciar sonho de verdade.

É preciso evidenciar a verdade.

É preciso sonhar com a verdade.

É preciso viver.

É preciso diferenciar vida de espera.

É preciso diferenciar oração de desespero.

É preciso diferenciar a fé do imaginário.

É preciso evidenciar a fé.

 

Imagem by SandyManase

Você pode gostar também de

Sem comentários

deixe uma resposta