Poemas

CORAÇÃO TRISTONHO

Coração tristonho

Foi alvo

De um franco atirador

Em nome do amor.

Cupido estúpido

Em estado enfadonho

Mudou assim um ponto crucial do destino.

 

Dor de amor

Dor de amor

Triste e abjeta.

Da ferida aberta

Só restou lembranças

Do cupido estúpido,

Franco atirador

De flechas enferrujadas.

 

Pescar,

meu bem,

não é pecado.

Se o meu pescado

neném,

for você…

E for só eu

com você

A pecar.

 

Imagem by nuzree

Você pode gostar também de

Sem comentários

deixe uma resposta